anorexia

Anorexia: saiba o que é e como lidar com ela?

A busca pelo corpo perfeito, sem gordura e livre da flacidez, provoca uma série de transtornos alimentares, como, por exemplo, a anorexia. O primeiro passo para evitar esse distúrbio é entender mais sobre ele.

Neste sentido, preparamos este post para explicar os principais tópicos a respeito da anorexia. Então, se você tem interesse no tema, recomendamos a leitura do texto. A seguir, saiba mais sobre ela.

Entenda a anorexia

Trata-se de um transtorno alimentar que acomete pessoas de ambos os gêneros, sendo mais comum entre os jovens. Quem sofre com anorexia é obcecado pela magreza, o que faz com que não poupe esforços para perder peso, levando a graves problemas de saúde.

Por exemplo, com o desejo de emagrecer, as pessoas anoréxicas deixam de comer e adotam outras medidas mais radicais, exagerando nas atividades físicas, usando laxantes e diuréticos, realizando jejuns constantes e, principalmente, forçando vômito.

Ainda, essa condição tem origem psicológica. Isso porque, ao se olhar no espelho, o paciente enxerga uma visão distorcida sobre si mesmo, estando sempre acima do peso, independente da sua situação real.

Além disso, esse transtorno alimentar pode estar relacionado a outros problemas psicológicos, como é o caso da depressão e da ansiedade. Ademais, é mais comum em adolescentes do sexo feminino, em função da pressão pelo padrão de beleza estabelecido na sociedade.

Como é causada?

Assim como ocorre com outros transtornos psicológicos, as causas da anorexia ainda não estão totalmente esclarecidas. No entanto, já é de conhecimento que as origens podem variar de pessoa para pessoa e depende de fatores genéticos e de experiências pessoais.

Neste sentido, entre os motivos mais comumente associados a este transtorno alimentar estão: predisposição genética, transtornos de ansiedade, depressão, pressão familiar e pessoal em relação ao peso e descontrole dos níveis de serotonina e noradrenalina no organismo.

Quais os sintomas mais comuns?

A principal característica de uma pessoa com anorexia é a magreza excessiva, de modo que até os ossos fiquem mais aparentes. Além disso, tende a desenvolver outros quadros relacionados à deficiência nutricional, como a alopecia.

Contudo, esses não são os únicos sintomas que ajudam a identificar o paciente. Outros sinais são: evita fazer as refeições em família, abuso de exercícios físicos, pele e lábios secos, grande preocupação com as calorias dos alimentos, amenorreia, comportamento obsessivo-compulsivo, fadiga, desmaios e tonturas frequentes.

Como é o tratamento da anorexia?

Antes de iniciar o tratamento, a condição precisa ser diagnosticada corretamente. Para isso, o paciente realiza uma série de exames para analisar a presença de problemas decorrentes da doença. Com a confirmação, inicia-se o tratamento com uma equipe multidisciplinar.

Assim, precisa de acompanhamento nutricional e psicológico. No primeiro caso, o paciente passa por uma reintrodução alimentar gradativa, permitindo que o corpo se readapte. O objetivo é que o paciente ganhe cerca de 1 kg por semana.

Já o tratamento com psicólogos é necessário para que o paciente entenda a sua condição, melhore sua percepção sobre si mesmo e também para tratar possíveis doenças existentes, como a depressão e a ansiedade.

Então, com a leitura deste post, você entendeu um pouco mais sobre a anorexia, suas causas, sintomas e possibilidades de tratamento. Para que as medidas terapêuticas sejam efetivas, é essencial que haja o apoio de amigos e familiares.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como psiquiatra em Lucas do Rio Verde!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp