Higiene do sono

O que é higiene do sono?

Assim como precisamos cuidar da higiene do corpo, a higiene do sono também precisa fazer parte de nossa rotina. Com isso, passamos a dormir melhor, contribuindo com nossa saúde e com a regeneração do organismo.

Você já ouviu falar nesse conceito? Sabe como aplicá-lo? Caso não, este post é leitura obrigatória. A seguir, explicaremos tudo o que você precisa saber para aderir a esse tipo de higiene.

Entenda mais sobre a higiene do sono

A higiene do sono é uma prática que consiste na mudança de hábitos não saudáveis que impactam na qualidade do sono. Para isso, promove a adoção de bons comportamentos e rotinas que contribuam para uma noite tranquila e reparadora.

Ainda, praticar a higiene do sono é importante em qualquer fase da vida. Além de beneficiar a saúde, essa medida ajuda a organizar o horário e os rituais de sono, e a evitar vários distúrbios, tais como, terror noturno, sonambulismo, insônia, entre outros.

Além disso, quando dormir bem se torna um hábito, há um equilíbrio mental, físico, emocional e de todo o organismo. Outras vantagens dessa prática são: ajudam a manter o foco durante o dia, regular o humor e a sentir-se mais produtivo e funcional.

Como promover a higiene do sono?

O ato de dormir é natural. Por isso, quando o sono não surge ou aparece no momento errado, pode indicar que o nosso comportamento causou algum tipo de confusão no cérebro e precisa ser recondicionado. Neste sentido, separamos algumas atitudes básicas para promover a sua higiene do sono.

1) Tenha um horário para dormir

O primeiro passo fundamental para melhorar a qualidade do sono é criar uma rotina. Quando isso não ocorre, o cérebro tem dificuldade para reconhecer o momento de dormir. Então, estabeleça um horário para ir pra cama e respeite-o.

2) Evite o consumo de alimentos estimulantes

Embora pareça estranho, a alimentação influencia diretamente na qualidade do sono. Isso porque, ao consumir alimentos pesados à noite, a digestão se torna mais difícil e lenta. Dessa forma, evite ingerir esses itens antes de dormir.

Outro ponto importante são os alimentos estimulantes, que contribuem com a insônia e prejudicam a qualidade do sono. Assim, evite refrigerantes, café, chá preto ou verde, chimarrão e chocolate à noite, pois possuem cafeína.

3) Exercite-se

O sedentarismo também impacta na higiene do sono. Por isso, praticar exercícios físicos é uma boa prática, pois o corpo produz endorfinas que promovem a sensação de bem-estar e ajudam a ter um sono mais tranquilo

Além disso, as atividades físicas beneficiam o sistema respiratório, combatendo problemas como ronco e apneia. Porém,  se você tem dificuldade para dormir, evite exercícios físicos intensos à noite.

4) Evite dormir durante o dia

O cérebro é moldado pelo nosso comportamento. Assim, quando tiramos vários cochilos durante o dia na cama, a tendência é de que o sono venha sempre em horários indevidos e à noite enfrentamos dificuldade para dormir.

Além disso, mesmo que você não durma, mas permaneça na cama para ler, comer ou assistir à televisão, o cérebro irá entender que esse ambiente não está relacionado ao sono. Por isso, logo acordar, fuja do quarto.

Enfim, com a leitura deste post, você conheceu um pouco mais sobre o conceito de higiene do sono e aprendeu algumas boas práticas para inseri-lo na sua rotina. Portanto, se deseja dormir melhor, siga nossas dicas.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como psiquiatra em Lucas do Rio Verde!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp