transtornos alimentares

Transtornos alimentares: 5 sinais

Os transtornos alimentares afetam milhares de pessoas em todo o mundo e precisam ser levados a sério, exigindo acompanhamento médico contínuo. O primeiro passo é identificar a presença dessa condição.

Você conhece os sintomas que indicam um transtorno alimentar? Caso não, recomendamos a leitura deste post.

5 sinais que podem indicar transtornos alimentares

A seguir, listamos alguns dos sinais que são comumente associados a essa condição.

1 – Alternância constante de peso

A perda e ganho constante de peso é uma característica comum de um transtorno alimentar. O indivíduo perde muitos quilos em um curto espaço de tempo, mas não fica satisfeito com o resultado final.

Posteriormente, há o ganho de peso de forma agressiva e rápida, o que acaba prejudicando a saúde da pessoa. Assim, a briga com a balança vira uma obsessão. Nesses casos, o apoio dos familiares e o acompanhamento psicológico é fundamental.

2 – Preocupação excessiva com o corpo

Outro comportamento característico de um transtorno alimentar é a preocupação demasiada com a aparência. O paciente está sempre reclamando do excesso de peso, mesmo que ele não seja percebido por outras pessoas.

Assim, está diariamente checando o peso e se observando no espelho. Com isso, tende a ter baixa autoestima, agravando o quadro. O tratamento com o psicólogo irá ajudar a pessoa a retomar a confiança em si e promover a aceitação com o corpo.

3 – Excesso de exercícios físicos

A prática excessiva de exercícios físicos também indica alguma anomalia, especialmente se o indivíduo não tem esse hábito. Geralmente, a busca pelo corpo ideal virá uma meta inalcançável. 

Quando esse sintoma está presente, os familiares precisam estar atentos à intensidade dos treinos e à frequência. A depender do nível da prática, será possível identificar o grau de compulsão do paciente.

4 – Mudanças no humor

O transtorno alimentar está diretamente ligado à ansiedade. Além da agressividade e da irritabilidade, a condição pode levar até a depressão. A melhor forma de perceber o problema é pela mudança drástica no comportamento.

Outro sinal importante é a busca constante pelo isolamento. Seja pela não aceitação do corpo ou pelo sentimento de culpa, a pessoa sempre busca uma forma de se esconder dos amigos e familiares, evitando ao máximo a socialização.

5 – Vômitos e uso de laxantes

Talvez o sinal mais agressivo de um transtorno alimentar, especificamente a bulimia e a anorexia, seja a indução constante ao vômito. Como não está satisfeita com o seu peso, evita a ingestão de calorias.

Esse comportamento é percebido em pequenas deixas. Por exemplo, longas idas ao banheiro após as refeições, emagrecimento rápido e sem causa aparente, fraqueza em atividades simples, entre outros.

Enfim, com a leitura deste post, você conheceu alguns dos principais sinais que indicam a presença de um transtorno alimentar. Então, se identifica esses comportamentos em algum amigo ou familiar, oriente-o a buscar acompanhamento psicológico.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como psiquiatra em Lucas do Rio Verde!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp